quinta-feira, 16 de maio de 2013

Stranger than kindness: alcofa cheia de pérolas que o ser humano desinventa e eu amo até depois da morte

se fosse um mau julgamento eu já teria começado tudo isso com uma exclamação do tamanho de um poste, mas não...
se tosse um tal eu já teria caçado tudo isso com uma peregrinação do tamanho de oste, mas não...
se conte um conto eu já teria te dado dez conto. e enumerado o hoste
a hoste? óstia oste hoste holoforte tá certo sim, brasil!
fosse contrário não doía esses zóin de meu deus que detesta grandeza.

que difícil inventar!
mas é
tudo mentira.
mas não!
partes átonas que fazem referência ao léxico
"tudo mentira!":
brocardo
aforismo
apotegma
provérbio?
sentença
máxima
anexim
rifão!
ton to ro ton ton
adágio
adagium para este caseum
caseum?
cascudo carrasco branquíssimo
asco.
estribilho...
perdeu o brilho!
dichote:
substantivo masculino!
gracejo, chufa, motejo, remoque
quic quic quic;
gracejo babado
chufa de novo, que mofa!
motejo, que dor de almofa!
remoque, remove, reboca:
meu deus, quanta dor nas costas...

danoso danado nocivo o pravo.
corina coralina coralinda corada.
vermelho!

perverso maléfico ruim e malvado.
malfazejo malrampejo malocioso corado.
vermelho de vergonha!

ninguém entende nada de cadeira
inda mais de academia brasileira de letras!

todinho atontado.
todo dia atordoado de tanto mal tato
todo qualquer algum dia...
tanto tudo faz:
atormentou-se.

ludibrio
o escárnio:
suspiro

ludibrio
o espelho:
grito

contamino
três bílis
com o dedo
mindinho

e rio, já nadou em rio?
aqui:
um pardavasco pescando com cacos pescado
três tigres no prato...o trigo, com pratos de tigres
manchados?
como era mesmo aquele ditado?

mas poxa...
voinha dizia que vinha!
e agora
cacareja carqueja brotoeja, que seja!
importante é haver.
se é: cacarejemos, carquejaremos, cacarejaremo - ei!
venha cá que tem cerveja!




o nome desse tudo é trampolinice.





que
linda
palavra
eu
acho
que
é
linda
palavra
eu acho
que
é
linda demais


Nenhum comentário:

Postar um comentário

<_/´\_/`\__>~ tss